Cachoeiras Serra do Cipó

Conheça um pouco mais sobre as atrações da Serra do Cipó

Esta página tem caráter ilustrativo. Para visitar os atrativos, procure um guia. (Trilhas do Cipó -Ecoturismo. WhastApp   Instagram 

Cachoeira Serra Morena

Valor R$ 50,00 day-use

Tem desconto? Sim, 20% para quem está hospedado conosco

E fácil o acesso? 06km de alfalto e 03 de estrada de terra. 

Cachoeira Serra Morena, na Serra do Cipó: super fácil de chegar!  Wikiloc | Trilha CACHOEIRA DA SERRA MORENA

          A Cachoeira Serra Morena está localizada na Serra do Cipó, lugar este que é bastante conhecido pela sua beleza natural e seus atrativos turísticos.

Na Serra do Cipó você encontrará inúmeros atrativos, entre eles a  Trilha dos Escravos,  Estátua do Juquinha etc.

Cachoeira Serra Morena entra no rol de cachoeiras da região, e assim como as outras possui uma beleza sem igual.

Nessa mesma região encontramos cachoeiras propícias para o banho, esporte e os marcos históricos como maiores quedas.

Características da Cachoeira da Morena

         A Cachoeira Serra Morena  conta principalmente com duas cachoeiras enormes, chamadas de Serra Morena I e Serra Morena II.

Fazendo, portanto, com que esse passeio se torne um dos lugares mais especiais dessa região.

Cachoeira Serra Morena possui uma das maiores cachoeiras da região e uma enorme queda livre, com em média 100 metros de extensão.

Essa queda forma uma belíssima piscina natural, com 300 metros quadrados, o que se torna outra característica de destaque para a Cachoeira.

         A Cachoeira Serra Morena é totalmente cercada da mata ciliar, e até mesmo de cerrados e campos rupestres.

Além disso, vemos que o banho nessa cachoeira oferta aos visitantes um exuberante cenário para caminhadas e observar a fauna ou flora do local.

Para encontrar a localização de maneira mais correta basta buscar o seguinte endereço: Rural, Estrada Vau da Lagoa, 5 km – Serra do Cipó, CEP 35.847-000 – Santana do Riacho – MG.

Dessa forma, para chegar ao local você pode utilizar tanto o ônibus, como o carro ou avião.

De ônibus, geralmente o pessoal da região recomenda a empresa Saritur, que leva você, de Belo Horizonte até a Serra do Cipó com muita segurança e conforto, mas claro que existem outras opções, como o próprio carro de frete.

No caso do carro, você deve sair do distrito Serra do Cipó e seguir para a Conceição do Mato Dentro, faça o seguinte:

Na rodovia MG 010, dobrar no sentido esquerdo na bifurcação do KM 104, onde está a placa Serra Morena.

Depois disso é só seguir 5 km pela estrada de terra, chegando à portaria do atrativo, siga as placas indicativas e o seu destino é esse.

Por fim, indo de avião, o aeroporto mais próximo é o de Confins, com 60 km de distância para a Serra do Cipó, de lá, é só pegar um táxi e ir até o seu destino.

O horário de funcionamento da Cachoeira da Morena é de todos os dias da semana, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, incluindo Feriado, das 8h às 17h.

Uma observação importante a ser fazer sobre a Cachoeira Serra Morena é que a entrada para esse atrativo acaba às 16h.

A visita é não guiada, e a sua entrada é paga, com o custo aproximadamente de R$ 50,00 por pessoa. (Temos convenio de desconto no Day Use)

Quanto às atividades realizadas podemos citar o banho de cachoeira, Trekking, rapel, tirolesa, observação de fauna e flora ou fotografia.

 

Fonte: Conheça e se encante com a Cachoeira da Morena (portalserradocipo.com.br)

 

 

 

Cachoeira da Farofa

 

Valor: Grátis 

Parque Nacional Serra do Cipó- Portaria Princiapl Areias

E fácil o acesso? 08km trilha 

Cachoeira da Farofa   Cachoeira Farofa de Cima: joia reservada do ParnaCipó

         Esta página tem caráter ilustrativo. Para visitar os atrativos, procure um guia. (Trilhas do Cipó -Ecoturismo. WhastApp   Instagram 

Localizada no Parque Nacional da Serra do Cipó, em Minas Gerais a Cachoeira da Farofa é um dos redutos da Serra onde se encontram lindas plantas e animais em um dos cenários mais lindos de Minas Gerais.

         O título de “Jardim do Brasil” dado pelo paisagista Burle Max a Serra do Cipo, em 1950, faz jus a um dos conjuntos naturais mais exuberantes do planeta. Extremamente variada e diversa, a vegetação da região apresenta alto grau de endemismo, um dos maiores do mundo, e ainda abriga a mais extraordinária amostra de Campos Rupestres do Brasil, além de uma fauna representativa e composta de várias espécies ameaçadas de extinção.

         A topografia acidentada e a grande quantidade de nascentes da Serra do Cipó formam diversos rios, cachoeiras, cânions e cavernas de excepcional beleza natural. Por ser rica em cursos d’água, a Serra do Espinhaço, onde está assentada a do Cipó, divide duas importantes bacias hidrográficas brasileiras: a do São Francisco e a do Rio Doce.

         A história geológica da região é complexa e data do período pré-cambriano. Suas rochas arenosas tiveram início por depósitos marinhos constituídos há cerca de 1.7 bilhão de anos. Formada principalmente por quartzitos, conta também com rochas calcárias, onde ficaram registrados fósseis de eras passadas. São as chamadas rochas em dobramento, características da área, todas apontadas para a mesma direção, no sentido leste/oeste, surgidas com as altas pressões e temperaturas de movimentos tectônicos que deformaram a crosta terrestre.

         Para preservar toda esta riqueza natural, foi criado o Parque Nacional da Serra do Cipó em setembro de 1984, com uma área de 33.800 hectares, entre os municípios de Jaboticatubas, Santana do Riacho, Morro do Pilar e Conceição do Mato Dentro; ao norte da capital mineira, Belo Horizonte.

         Dentro do Parque encontra-se a Cachoeira da Farofa, localizada na Serra da Bandeirinha, é um dos atrativos mais procurados pelos visitantes do Parque Nacional. Possui uma sucessão de quedas d’água com 07 cachoeiras, até atingir um poço em meio a um paredão de rocha quartzítica, cercado de gramíneas e orquídeas que decoram a paisagem local. O acesso pela parte baixa da Serra, se dá por uma trilha plana de aproximadamente 7 Km, onde é possível observar o Córrego das Pedras, a Lagoa Comprida e o Ribeirão Mascates.

         O percurso até a Cachoeira da Farofa é bem sinalizado, no entanto nós do Portal Serra do Cipó Turismo sugerimos a você que faça o passeio com a presença de um guia local.

         O ponto de partida para a Cachoeira da Farofa é a Portaria Areias, cujo acesso se dá por uma curta estrada de terra que começa antes da ponte do Rio Cipó (pra quem está chegando na serra) bem ao lado da Pousada Cipó Veraneio. Há placas indicando esta entrada.

Na Portaria Areias há uma boa estrutura para os visitantes, com grande área de estacionamento, banheiros, bebedouros, auditório e até uma área com duchas. Quem vai fazer alguma trilha deve preencher um formulário indicando horário de entrada e qual atração pretende visitar. Um pedaço do formulário fica com o visitante, que deve entregar na volta.

Como chegar na Cachoeira da Farofa

         Você pode optar por ir a pé, levar ou alugar uma bicicleta na Serra do Cipó. Nossa sugestão é alugar uma bike a quem pretende conhecer a Cachoeira da Farofa, o cânion das bandeirinhas e outros atrativos que estão na entrada da Portaria Areias, no Parque Nacional da Serra do Cipó.

         As bicicletas podem ser facilmente alugadas dentro do Parque Nacional da Serra do Cipó (Parnacipó), ou no Casa do Ciclista no centro da Serra do Cipó. As bicicletas agilizam muito o deslocamento entre as atrações. Para melhorar, o caminho é simples e não exige tanto esforço.

Distância Cachoeira da Farofa

  • Distância: 3 km de carro – 7 km de caminhada
  • Grau de dificuldade: moderado
  • Tempo de duração da caminhada: 2 horas

Fonte:Cachoeira da Farofa (portalserradocipo.com.br)

 

 

Cachoeira Veu da Noiva

Valor: R$ 40,00 day-use

Tem desconto? Sim, 20% para quem está hospedado conosco

E fácil o acesso? 900 metros da pousada.

Cachoeira Veu da Noiva  As lindas Cachoeira Véu da Noiva e Trilha dos Escravos, na Serra do Cipó

         Esta página tem caráter ilustrativo. Para visitar os atrativos, procure um guia. (Trilhas do Cipó -Ecoturismo. WhastApp   Instagram 

Localizada em local de fácil acesso a Cachoeira Veu da Noiva é uma das mais populares na Serra do Cipó pela facilidade de acesso e infraestrutura para camping. Aqui no Portal Serra do Cipó preparamos uma matéria detalhada para você curtir a Cachoeira com segurança e tranquilidade.

         A cachoeira Veu da Noiva fica em uma propriedade privada pertencente a ACM (Associação Cristã de Moços em Minas Gerais). Seguindo a estrada principal da Serra do Cipó, você vai ver a entrada logo na beira do asfalto mesmo com uma placa indicativa ACM Serra do Cipó, Camping Véu da Noiva. Não tem como errar.

Conheça a ACM

         Inaugurada em dezembro de 1980 e dando início às atividades na área de turismo da ACM-MG, a unidade Veu da Noiva, localizada na Serra do Cipó, disponibiliza ao público uma completa estrutura de lazer em meio à natureza.

Localizado há 100 quilômetros de Belo Horizonte,  a unidade está inserida no Circuito do Parque Nacional da Serra do Cipó e da Estrada Real, sendo um dos locais mais procurados para visitação no Brasil.

         A Unidade conta com completa estrutura para acampamento com vestiários, restaurantes, quadras de vôlei e peteca, campo de futebol, piscina natural e a Incrível cachoeira Véu da Noiva. O acesso ao Camping Véu da Noiva é permitido ao público mediante pagamento de hora, diária, pernoites e estadia nos chalés.

Dicas do Portal Serra do Cipó

  • Antes de se aventurar pelas trilhas da Serra do Cipó sugerimos que contrate um guia local;

  • Não leve garrafas de vidro para as cachoeiras;

  • Consulte se é permitida a entrada de animais. Em vários atrativos da Serra do Cipó não é permitido animais

  • Faça sua reserva com antecedência nas Pousadas da Serra do Cipó.

Serviços

Telefone da ACM: (31) 3412-7818
E-mail ACM Véu da Noiva:  contato@acmmg.com.br
Valor da entrada: R$11,00 (Uma hora) ou R$40,00 a diária

         Quanto paga para entrar na cachoeira veu da noiva?

         O valor da entrada para visitar a cachoeira até esta data  é de R$40,00a diária e a estadia de 1 hora é R$11,00. Estes valores são por pessoa e podem sofrer reajustes a qualquer momento.

Onde fica cachoeira veu da noiva? 

A Veu da Noiva está localizada na Serra do Cipó em Minas Gerais. As coordenadas da Serra do Cipó são, na região sul da Cordilheira do Espinhaço, entre os paralelos 19º 12` e 19º 34` latitude sul e 43º 27` e 43º 38` longitude oeste

Como chegar na Cachoeira Veu da Noiva?

         A trilha para chegar até a Cachoeira é bem tranquila. O caminho é bem batido e aberto, tem corrimão e a caminhada dura apenas uns 10 minutos. A cachoeira é linda e a água cristalina. Tem poucos lugares para ficar nas margens. Na cachoeira tem salva-vidas de plantão para garantir a sua segurança e da sua família.

A cachoeira também possui alguns poços para banho. A subida para estes poços é mais íngreme porém é uma excelente alternativa quando a cachoeira está mais cheia e você procura tranquilidade.

         É possível subir até o topo da cachoeira pela trilha dos escravos, que fica fora da propriedade do Veu da Noiva. A entrada fica a uns 500m da entrada do Véu da Noiva, na beira do asfalto porém sugerimos que procure um guia local para que vá de forma segura. Aqui no Portal Serra do CIpó você tem acesso aos melhores guias da região.

Também há uma piscina natural bem grande, com água represada da cachoeira, logo ao lado da área de camping Veu da Noiva.

Fonte: Cachoeira Veu da Noiva (portalserradocipo.com.br)

 

Cachoeira Grande

 

  Cachoeira Grande - Vem pro Cipó

         Esta página tem caráter ilustrativo. Para visitar os atrativos, procure um guia. (Trilhas do Cipó -Ecoturismo. WhastApp   Instagram 

Cachoeira Grande, a cachoeira é uma das mais famosas da Serra do Cipó.

         Localizada a apenas 100 km de Belo Horizonte apenas, logo após Lagoa Santa, fica um dos recantos mais bonitos de Minas Gerais, a Serra do Cipó e neste lindo reduto você encontra a Cachoeira Grande, uma linda queda d água de fácil acesso.

Além da cachoeira Cachoeira Grande, você encontra lindas cachoeiras como a Cachoeira Véu da Noiva, grutas e trilhas, A região da Serra do Cipó possui diversas pousadinhas charmosas e perfeitas para abrigar os adeptos dos esportes de aventura como rapel, ciclismo, trekking e rafting.

         A Cachoeira Grande é um dos principais cartões postais da Serra do Cipó, a Cachoeira Grande é uma linda queda formada pelo Rio Cipó, possui 60 metros de extensão e 10 metros de altura.

Além disso a Cachoeira é perfeita para quem quer relaxar em contato com a natureza. Com várias quedas, o complexo conta ainda com as corredeiras da Xica, Tomé, Lageado e vários poços ao longo de seu curso.

Devido a sua facilidade de acesso é ótimo inclusive para levar crianças e pessoas que não tem nenhuma prática com atividades físicas.

         No Rio Cipó que forma a cachoeira Grande também é comum a prática de passeios de caiaque e stand up padle.

É importante ficar atento as regras das cachoeiras da Serra do Cipó. Não é permitido fazer churrasco, acender fogueiras, nem levar garrafas de vidro. Muitas não permitem a entrada de animais.

         É importante destacar que há um limite diário da quantidade de pessoas que acessam a cachoeira diariamente, por isso é importante chegar bem cedo. A entrada na Cachoeira Grande é paga, valor de R$30,00 por pessoa. O acesso é fácil, não exige muito esforço físico. Existe estacionamento no local. São apenas quinze minutos de caminhada até as cachoeiras.

         Pode-se passar o dia inteiro na Cachoeira Grande da Serra do Cipó e ainda existe mais uma vantagem: pode-se entrar e sair no estabelecimento quantas vezes quiser naquele mesmo dia. Ideal para quem quiser sair para almoçar ou fazer um lanche.

Uma dica útil e reforçando as regras do local: Leve lanche e água porque no local não há restaurantes. É proibido adentrar no local com bebidas alcoólicas, acender fogo, acampar e ainda levar animais domésticos.

         Não é necessário guia para curtir este atrativo na Serra do Cipó.

Cachoeira Grande / Zareia: não possui serviço de alimentação, ingresso R$ 30,00/pessoa de segunda a domingo, não sendo permitido entrar no imóvel com bebidas alcoólicas, acender fogo, acampar ou entrar com veículos, motocicletas e animais, fone (31) 3718-7044.

ATENÇÃO: A entrada é rigorosamente limitada a um determinado número de pessoas por dia.

Distância:

  • 100m até a portaria da Zareia
  • 1km a pé até a Cachoeira

Horário de Funcionamento

  • 08:00hrs até 17:00hrs

Valor por pessoa

  • Ingresso R$ 50,00/pessoa de segunda a domingo

Regras

  • Não é permitido entrar no imóvel com bebidas alcoólicas,
  • Não é permitido acender fogo,
  • Não é permitido acampar
  • Não é permitido entrar com veículos, motocicletas
  • Não é permitido animais
  • Não é permitido recipiente de vidro
  • Não é permitido aparelhos que produzem som

Contato

  • Telefone (31) 3718-7044

 

 

 

Cachoeira das Braunas

         A Cachoeira das Braunas é uma das maiores piscinas naturais localizada na região da Serra do Cipó (dona de outras belezas também).
A Cachoeira das Braunas, assim como as outras opções de passeio na Serra, traz consigo uma gama de experiência, tanto natural quanto histórica.

Tudo que está localizado na Serra do Cipó é uma verdade experiência de tirar o fôlego.

         Portanto, muitas dessas opções são carregadas de notória história, principalmente do período colonial aqui do Brasil.

Esse peso histórico não é somente da região, e sim de todo o nosso país.

Encontramos a Cachoeira das Braunas próxima ao Canion das Bandeirinhas, apresenta mais ou menos 65 metros de queda d’água, além de um poço gigante.

Nesse sentido é o maior poço do Parque Nacional da Serra do Cipó.

         O poço da Cachoeira das Braunas é próprio para banho, e com a sua água cristalina a visita se torna ainda mais espetacular.

Confira o vídeo a seguir da Cachoeira das Braúnas na Serra do Cipó.

 

Ver a imagem de origem  Ver a imagem de origem

         Esta página tem caráter ilustrativo. Para visitar os atrativos, procure um guia. (Trilhas do Cipó -Ecoturismo. WhastApp   Instagram 

A Cachoeira está próxima ao divisor das bacias dos Rios São Francisco e Doce.

         O que posso levar para a minha visita à Cachoeira das Braunas?

Para o seu passeio nas Cachoeiras você deve levar principalmente calçados confortáveis adequados para o ambiente, ou seja, com um solado de boa aderência, além de ser fechado e revestido, a exemplos das botas.

Outra dica é que você leve lanches leves, como biscoitos integrais, sanduíche natural ou frutas que não estraguem com facilidade.

Você deve levar consigo um compartimento próprio para água, e recomenda-se no mínimo 2 litros.

Não esqueça também do compartimento para lixos, pois você está visitando uma beleza natural, então continue com a preservação do ambiente.

Como você pode ficar exposto ao sol, é sugerível que você tenha protetor labial e protetor solar, e quem for alérgico a qualquer mosquito, é interessante que leve repelente.

Por fim, o mais importante: as roupas para o banho de cachoeira. Leve a roupa mais confortável para você se divertir muito, pode ser biquíni, maiô, sunga, calção…o importante é que você se sinta livre e confortável para esse passeio maravilhoso.

Os seus produtos de higiene pessoal são de sua responsabilidade e necessidade, então se você achar que for necessário pente, escova de dente ou qualquer produto afim, isso ficará ao seu critério.

Lembrando que se você tomar algum tipo de remédio controlado é interessante que alguém perto já fique ciente dessa situação, no caso de ocorrer algum imprevisto.

Como é o percurso da Cachoeira?

         A caminhada é pesada, por isso que se recomenda tantas coisas para levar, pois você estará de alguma forma preparado para isso.

Na caminhada, você vai usufruir de uma paisagem esplêndida, repleta de diversidade da fauna e da flora, além do banho de cachoeira.

O alerta fica para a caminhada…essa é considerada muito difícil, então é mais recomendada para aquelas pessoas que já estão acostumadas a caminhar.

Se esse não for o seu caso, é melhor que opte por outra cachoeira da Serra, a região tem muito a oferecer nesse sentido.

 

Fonte: Cachoeira das Braunas - Uma beleza que encanta a todos! (portalserradocipo.com.br)

 

 

Cachoeira do gavião

Cachoeira do Gavião  Cachoeira do Gaviao, Santana Do Riacho | DestiMap | Destinations On Map

 

         Localizada no Parque Nacional da Serra do Cipó com acesso pela Portaria Retiro, a Cachoeira do Gavião (formada pelo Ribeirão Congonhas) está a 1 km da Cachoeira das Andorinhas e seu acesso é considerado de nível moderado. A trilha margeia o Córrego Bocaina e proporciona um passeio encantador ao longo dos 7 km (aproximadamente 2 horas de caminhada) a partir da Portaria. O poço formado pela queda é pequeno, porém encantador e muito apreciado pelos visitantes. Uma das explicações para o nome da cachoeira é a semelhança com uma asa da ave da formação rochosa que circunda a queda d´água. Há quem diga que houve confusão com o nome do córrego vizinho, que forma a Cachoeira das Andorinhas e que se chama Córrego do Gavião. A entrada no Parque é gratuita.

 

Fonte: Turismo em Minas Gerais | Santana do Riacho

 

Cachoeira Grande

Cachoeira Grande

 

 Acesso Fácil 

É um dos cartões postais da Serra do Cipó e a cachoeira de mais fácil acesso. O Rio Cipó forma uma belíssima queda com 10 metros de altura e 60 metros de largura, com um paredão de pedras e gramíneas. Além de ser uma das mais bonitas, a Cachoeira Grande possui a maior queda da região em volume de água. Os poços são apropriados para banho nas partes baixa e alta da cachoeira, tendo, ainda, a opção da prática de canoagem e/ou caiaque. O acesso é feito por estrada de terra de aproximadamente 2 km.

 

Cachoeira Véu da Noiva

Veu da Noiva
 

 

 Acesso Fácil 

 

É uma das mais exuberantes da localidade, com seus 80 metros de queda d’água cristalina que encanta os visitantes que por ali passam. Sua cabeceira, em formato de soleira, é um mirante natural que propicia uma vista privilegiada do complexo Morro da Pedreira e do distrito Serra do Cipó. A cachoeira atrai muitos praticantes de Canyoning. Junto dela existe uma área de camping, com infraestrutura de bar e restaurante, quadras de vôlei, peteca e futebol, além de piscinas de água corrente.

 

 

Cachoeira da Capivara (atualmente fechada )

Cachoeira da Capivara

 

 

 

 

       Acesso Médio 

Localizada na Área de Proteção Ambiental (APA) Morro da Pedreira, a Cachoeira da Capivara é uma das maiores da região da Serra do Cipó. São duas quedas belíssimas e de grande altura, ideais para a prática de Canyoning. A vegetação predominante é de campos rupestres, com uma enorme variedade de orquídeas e sempre-vivas. A beleza singular da cachoeira, somada à exuberância da vegetação, forma um cenário de rara beleza natural.

Cachoeira Braúnas

Cachoeira Braunas

 

 
           Acesso Difícil 

Essa cachoeira fica no final do Cânion das Bandeirinhas. A trilha de 15 km é de difícil acesso, sendo indispensável a presença de um guia.

Cachoeira da Caverna

Cachoeira da Caverna

 

 

 
 Acesso Difícil 

Possui uma linda queda d’água límpida e pura, que esconde uma pequena caverna e dá nome ao local. Uma caminhada de 200 metros leva até a cachoeira. Seu impressionante poço de água esverdeada e transparente é formado pelo Córrego Água Limpa. Descendo o rio, chega-se a outras piscinas naturais e ao encontro dos Rios Água Limpa e Parauninha.

Cachoeira Bicame ( Lapínha da Serra )

Cachoeira Bicame

 

 

 
 Acesso Difícil 

A Cachoeira do Bicame é formada pelo Rio de Pedras. Possui 50 metros de queda, que despenca por um paredão de pedras e com um poço de 30 metros de diâmetro. A trilha até a cachoeira é em meio a impressionantes formações rochosas.

Cachoeira da Farofa ( Parque Nacional Serra do Cipó )

Cachoeira da Farofa

 

 
       Acesso Médio 

A cachoeira fica dentro do Parque Nacional da Serra do Cipó e é uma das mais famosas. A partir da portaria do parque, são mais ou menos 2 horas de caminhada. Durante o passeio, o viajante passa por trilhas entre montanhas, vales, planícies, ribeiras, várzeas, córregos e riachos, com flora e fauna exuberantes.

Cachoeira da Taioba ( Em recuperação ambiental - Fechada )

Cachoeira da Taioba

 

 

 
 Acesso Difícil 

Para chegar à Cachoeira da Taioba, a partir da Cachoeira da Farofa, é só atravessar o rio Mascate após a mata, entrar à direita, seguir até o riacho da Taioba e prosseguir pela sua margem direita. A piscina natural é a recompensa da caminhada. Também é possível ir de bicicleta ou a cavalo.

Cachoeira das Andorinhas

Cachoeira das Andorinhas

 

 
       Acesso Médio 

A cachoeira de 40 metros apresenta uma queda que se divide em duas, lembrando as asas abertas de uma Andorinha. É formada por uma mistura de corredeiras e duchas naturais, em meio a uma vegetação de cerrado e afloramentos de quartzo. O acesso corta campos rupestres, além de proporcionar uma vista panorâmica. Este passeio através da Serra da Bocaina permite a observação de uma bela paisagem da Serra do Espinhaço.

Cachoeira de Baixo

Cachoeira de Baixo
 
       Acesso Médio 

A cachoeira fica logo abaixo da ponte sobre o rio Cipó. É um dos belos atrativos naturais localizados ao longo do curso do rio. Com 40 metros de largura em um paredão extenso, a cachoeira é formada por vários degraus, originando um grande número de cascatas de pequeno porte e piscinas naturais de diferentes profundidades.

Cachoeira do Bené

Cachoeira do Bené
 
       Acesso Médio 

Um pouco mais afastada do Vilarejo de São José da Serra, esta cachoeira ainda é pouco explorada pelos visitantes. Possui rara beleza, tem duas quedas e várias duchas naturais formando uma bela piscina. É um lugar que não se pode deixar de conhecer.

Cachoeira do Congonhas

Cachoeira do Congonhas
 
 Acesso Difícil 

Por uma trilha com vista panorâmica que permite observar os notáveis afloramentos rochosos da Serra do Cipó, chega-se à Cachoeira do Congonhas, que possui um poço onde se pode praticar mergulhos. No local é possível também a prática do rapel. A cachoeira de 30 metros de altura tem poço de cor esverdeada transparente, que proporciona um banho revigorante.

Cachoeira do Gavião

Cachoeira do Gaviao
 
       Acesso Médio 

A cachoeira vem escorrendo pelas pedras a uma altura de 30 metros, até formar uma pequena queda que cai em um pequeno poço esverdeado.

Cachoeira do S (atualmente fechada )

Cachoeira do S
 
       Acesso Médio 

A cachoeira vem escorrendo pelas pedras a uma altura de 30 metros, até formar uma pequena queda que cai em um pequeno poço esverdeado.

Cachoeira do Tabuleiro

Cachoeira do Tabuleiro
       Acesso Médio 

Situada a 66 km de Conceição do Mato Dentro, é a maior cachoeira de Minas e a terceira (há quem diga a segunda) maior do Brasil. São 273 metros de queda livre, formada a partir de um paredão com uma beleza própria. Na parte alta da cachoeira, existem outras quedas e lagos e, na parte de baixo, um grande poço ladeado por imensos blocos de pedra. A cachoeira está situada no Parque Municipal Ribeirão do Campo. Foi eleita recentemente pelo Guia 4 Rodas a mais bonita do Brasil.

Cachoeira do Tombador

Cachoeira do Tombador
 
 Acesso Difícil 

Localizada na região do Vale da Bocaina, a Cachoeira do Tombador é uma das mais belas da Serra do Cipó. Possui duas quedas e excelente poço para banho. Para chegar à cachoeira, é preciso passar por uma trilha cercada de uma rica vegetação típica do Cerrado, com predominância de árvores de portes maiores como pequizeiros, jatobás e sucupiras. Esta trilha é cortada também por pequenos riachos de água cristalina; e a recompensa final são os refrescantes banhos em suas piscinas e duchas naturais.

Cachoeira do Tomé

Cachoeira do Tomé
 
 Acesso Difícil 

A Cachoeira do Tomé possui 5 metros de queda e grande piscina natural de 40 metros de diâmetro. Indicada para canyoning e rafting, a cachoeira é cercada por uma mata ciliar belíssima.

Cachoeira Mãe D'agua (atualmente fechada )

Cachoeira Mae d'agua
 
       Acesso Médio 

A cachoeira está localizada acima da Cachoeira Véu da Noiva. Suas águas dão origem ao Ribeirão Soberbo, que desagua no Rio Cipó e que, por sua vez, é um afluente do Rio das Velhas.

Cachoeira Serra Morena

Cachoeira Serra Morena
 
 Acesso Fácil 

A Cachoeira Serra Morena possui 60 metros de altura e poço de 30 metros de diâmetro. Uma subida íngreme dá acesso ao mirante da cachoeira e, para se chegar ao poço, é preciso passar por uma descida também íngreme. Há estrutura de restaurante nos finais de semana, feriados e alta temporada.